Concentração
 
Libertação imediata dos 5 heróis cubanos!
 
12 de Setembro - 18h30
 
Largo Camões, Lisboa
 
"No próximo dia 12 de Setembro cumprem-se 15 anos desde a injusta e desumana prisão dos cinco herois cubanos, cujo único acto foi o de procurar desmascarar os planos de organizações terroristas, sediadas em Miami, as quais pretendiam e pretendem destruir e desestabilizar Cuba.
 
Após o triunfo da revolução cubana, o imperialismo norte-americano iniciou uma longa luta com o objectivo de a destruir e reconduzir Cuba à antiga condição de colónia dos EUA. Para tal e além do bloqueio económico, financeiro, político e cultural, e da permanente campanha mediática repleta de falsidades, tem fomentado o terrorismo em Cuba, causando até à data mais de 3.000 mortos e milhares de feridos, dando guarida a terroristas confessos e a organizações terroristas que operam a partir do território norte-americano.
 
Perante estes factos e para defesa do povo cubano, cinco patriotas cubanos, residentes nos EUA, procuraram monitorizar actividades criminosas contra a revolução. As provas por estes recolhidas foram entregues pelas autoridades cubanas às autoridades norte-americanas. Em consequência, nenhuma acção foi tomada contra essas organizações nem desmontados os seus planos. Pelo contrário, os cinco foram julgados em Miami, um foro judicial que não oferecia as mínimas garantias de imparcialidade, nomeadamente pela campanha mediática subsidiada pelas associações terroristas aí sediadas. Os “Cinco” foram feitos prisioneiros sem qualquer sentença proferida e em violação de todas as leis em vigor naquele país e no direito internacional..
 
Depois de longos processos irregulares, os "Cinco de Miami" foram condenados a pesadas penas de prisão que vão até duas prisões perpétuas!
 
Durante todos estes quinze anos, os “Cinco” têm sido vítimas de graves violações dos mais básicos direitos humanos, do desrespeito de convenções internacionais e da própria lei norte-americana, tendo nomeadamente sido colocados no “segredo” e impedidos de receber visitas de familiares, especialmente um deles, Gerardo, que nunca viu autorizada a visita de sua mulher ou qualquer familiar, constituindo um tratamento humilhante, cruel e desumano!
O escândalo das irregularidades cometidas e o carácter absurdo e aviltante das penas gerou o clamor e apoio de organizações e personalidades que, em todo o mundo, apoiam a causa dos cinco heróis: escritores, actores, prémios Nobel, organizações de defesa da paz, amizade e solidariedade, de juventude, de mulheres, de trabalhadores e de milhares de pessoas individualmente. Após ter cumprido 13 anos de pena de prisão nos EUA, um deles, René, está agora a cumprir o resto da sua pena, em liberdade condicional, em Cuba, o que apenas foi possível devido à solidariedade internacional e à pressão exercida junto das autoridades norte-americanas para que lhe permitissem regressar à sua pátria,
 
Após 15 anos deste injusto e brutal encarceramento, a Administração norte-americana e o Presidente Obama não mostram sinais de humanidade, continuando a recusar a libertação destes homens, verdadeiros patriotas, que lutaram e lutam pela defesa da sua pátria e segurança dos seus compatriotas, contra os actos terroristas e a ofensiva que os persegue.
 
Só a solidariedade internacional pode libertar os CINCO!, por isso no dia 12 de Setembro, quinta-feira, às 18h30, no Largo Camões, junta-te a nós na concentração para exigir a libertação imediata destes heróis. Vem demonstrar a tua solidariedade. 
 
A Liberdade é a nossa causa, é a tua causa!
 
Organizações: Associação de Amizade Portugal-Cuba; Comité Português para a Libertação dos Cinco; Conselho Português para a Paz e Cooperação; CGTP-IN; Associação Portuguesa José Martí; Movimento Democrático de Mulheres; Juventude Comunista Portuguesa; STAL; União dos Sindicatos de Lisboa;"