Outras Notícias

Não ao Bloqueio! Respeito pela soberania da Venezuela!

nao ao bloqueio respeito pela soberania da venezuela 1 20190829 1253902595

O Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC) repudia o agravamento do ilegal bloqueio dos EUA contra o povo da Venezuela e a sua Revolução Bolivariana, anunciado pela Administração de EUA/Donald Trump.

O CPPC defende o legítimo direito dos povos a decidirem soberanamente o seu rumo de desenvolvimento – um direito consagrado na Carta das Nações Unidas e no Direito Internacional –, uma sua posição de sempre que é tão mais importante reafirmar no momento em que se intensifica uma aberta e descarada ameaça, com pressão, chantagem, bloqueio e interferência sobre a República Bolivariana da Venezuela, que visa atingir e agravar as condições de vida do seu povo.

Ler mais...

Não ao Bloqueio! Respeito pela soberania da Venezuela!

 nao ao bloqueio respeito pela soberania da venezuela 1 20190829 1174329705

O conselho Português para a Paz e Cooperação participou, no passado dia 10 de Agosto, num ato público de repúdio pelas novas medidas de agressão dos EUA contra o povo venezuelano.

A administração Trump, vendo falharem varias tentativas de golpe, que promoveu e apoiou, aposta no agravar das sanções e do consequente sofrimento do povo venezuelano, para procurar derrubar o legítimo governo de Nicolas Maduro, procurando derrotar a capacidade de resistência de um processo soberano, democrático e de conteúdo progressista que colocou as imensas riquezas da Venezuela ao serviço do desenvolvimento económico, social e cultural do povo venezuelano, que ajudou a construir caminhos de cooperação entre países da América Latina, mutuamente vantajosos e libertos da alçada dos EUA, um processo que afirmou a sua determinação em seguir um caminho livremente escolhido pelo povo venezuelano, sem ingerências nem interferências exteriores.

Na iniciativa o CPPC saudou a resistência do povo venezuelano em defesa da sua Revolução Bolivariana, denunciando as ilegais acções da Administração dos EUA e a vergonhosa subserviência que o Governo português tem demonstrado perante as mesmas.

#NoMasTrump #NoMoreTrump #TrumpDesbloqueaaVenezuela #TrumpUnblockVenezuela #ManosFueradeVenezuela #HandsOffVenezuela

Solidariedade com o Saara Ocidental / Uma Biblioteca no Deserto

 solidariedade com o saara ocidental uma biblioteca no deserto 1 20190802 1210829063

No passado dia 10, na sede da Fundação Saramago, em Lisboa, realizou-se a iniciativa de lançamento público da campanha Uma Biblioteca no Deserto. Esta iniciativa, promovida pelo Conselho Português para a Paz e Cooperação, pela CGTP-IN e pela Fundação Saramago, incluiu a inauguração da exposição fotográfica “Cinco olhares sobre o Saara Ocidental” - com fotografias de Helena Costa, José Frade, Reinaldo Rodrigues, Inês Seixas e José Baguinho -, um debate com a presença dos dois ativistas da UJSARIO de visita ao nosso país e de Filipe Ferreira da Direcção Nacional do CPPC, tendo terminado com um momento de música saarauí e convívio junto à oliveira que acolhe as cinzas de José Saramago.

A Campanha Uma Biblioteca no Deserto, consistirá na recolha de livros em castelhano para a criação de uma biblioteca nos acampamentos de refugiados saarauís na região de Tindouf, na Argélia. Esta campana será, acima de tudo, uma chamada de atenção para a necessidade da resolução da questão saarauí, com o fim da ocupação marroquina e o respeito do direito do povo saarauí à independência e autodeterminação.

LIBERDADE PARA O SAARA OCIDENTAL FIM À REPRESSÃO

solidariedade com o saara ocidental participacao na manifestacao da cgtp in 1 20190726 1415471360

Divulgamos texto subscrito por organizações portuguesas, que continua a recolher apoios e que será enviado às autoridades portuguesas e ao Secretário Geral da Organização das Nações Unidas.

LIBERDADE PARA O SAARA OCIDENTAL
FIM À REPRESSÃO

As organizações abaixo-assinadas reafirmando a sua solidariedade de sempre com o povo saarauí, condenam e exigem o fim imediato da violência e repressão que as forças ocupantes do Reino de Marrocos têm praticado, com particular intensidade, desde o passado dia 19 de Julho.

Este novo crescendo da repressão pelas forças de Marrocos ocorre desde o passado dia 19, quando a população saarauí, dos territórios ocupados, particularmente em El Aaiun, saiu às ruas a comemorar a vitória da seleção argelina de futebol na final do Campeonato Africano das Nações. As comemorações, pacíficas, acompanhadas da exigência da independência do Saara Ocidental, foram de imediato violentamente reprimidas, havendo notícia da morte de uma jovem de 24 anos atropelada por um carro das forças marroquinas e de um número desconhecido de feridos. As forças marroquinas estarão a utilizar violência indiscriminada contra a população saarauí, incluindo o recurso a fogo real.

Ler mais...

Solidariedade com o Saara Ocidental | Participação na manifestação da CGTP-IN

solidariedade com o saara ocidental participacao na manifestacao da cgtp in 1 20190726 1415471360

O Conselho Português para a Paz e Cooperação participou, no passado dia 10, na manifestação convocada pela CGTP-IN.

Com o CPPC participou na manifestação a delegação da União de Juventude Saarauí (UJSARIO), de visita ao nosso país.

Ao longo do percurso foram várias as manifestações de apoio dos trabalhadores portugueses à causa do povo saarauí.